Livro que li: Promessa de Sangue, Richelle Mead


Sinopse: A vida de Rose Hathaway nunca mais será a mesma. Seu mundo desmoronou após o ataque dos temidos vampiros Strigoi à Escola São Vladimir e a transformação do seu amado Dimitri em um desses monstros.
Ciente de que deve cumprir a promessa feita a ele, a jovem guardiã parte rumo a Rússia para salvar Dimitri de seu sinistro destino. Neste quarto livro da série Academia de Vampiros, ela conhece Sydney, membro de um misterioso grupo de alquimistas, e juntas acabam chegando a casa dos Belikov – a família de Dimitri.
Com esse aparente golpe de sorte, a viagem de Rose parece não estar longe de seu desfecho . Contudo, uma série de revelações e imprevistos passa a enredá-la cada vez mais. A dampira percebe que não será tão simples assim completar sua missão e descobre que Lissa, sua melhor amiga, novamente corre perigo.
A quilômetros da São Vladimir, será que rose encontrará forças para destruir Dimitri? Ou vai se sacrificar para ter a chance do amor imortal?
Em Promessa de Sangue, Richelle Mead descortina um novo mundo e novos personagens diante de seus leitores, sem se afastar por completo do ambiente da Escola. Ainda mais intricada, a saga de Rose Hathaway e Lissa Dragomir se aprimora e ganha aqui um capítulo de tirar o fôlego.
Nº de Páginas: 446
Editora: Agir
***
Com aquela imensa curiosidade de saber o que vai acontecer nesse livro, entrei de cabeça nessa nova aventura de Rose. O final do terceiro livro, foi muito doloroso para Rose, e saber que ela vai cumprir a promessa é ainda mais doloroso, mas algumas coisas faz essa viagem valer a pena, os dias que ela passa com a família de Dimitri, e os amigos, ou quase amigos que ela faz.
Para mim é muito difícil fazer resenha de uma série de livros muito boa, pois a partir do terceiro livro eu não tenho mais palavras para elogiar. E esse série da Richelle Mead é maravilhosa, e nesse quarto livro acontece tanta coisa que quando dei por mim já tinha terminado. Em Promessa de Sangue tem muitos personagens novos, um ambiente novo. Gostei muito dos Belikov, e do Abe Mazur. Sim! Eu gostei dele, e umas das descobertas mais interessantes tem haver com ele.
A Rose é tudo! Ela é determinada, e tira forças sabe se lá de onde para conseguir o que quer. E o Dimitri como Strigoi é muito sexy, mas como a Rose também prefiro ele como dampiro. E a reviravolta que acontece no final me deixou muito ansiosa para ler o próximo.

Nenhum comentário

Postar um comentário